Categories
Notícias

Velázquez: «Vou continuar no Marítimo, estou muito feliz na ilha»

[ad_1]

Julio Velazquez, treinador do Marítimo, em conferência de imprensa, depois da goleada consentida diante do Sporting (1-5), no Estádio de Alvalade, no jogo que fechou a edição da Liga de 2020/21:

[Equipa estava já a pensar nas férias?]

– Não, tivemos de jogar a esta hora, não correu bem, mas há que dar mérito ao Sporting. Não fizemos um bom jogo em todos os sentidos. Queríamos discutir o resultado e não discutimos em nenhum momento. Por demérito nosso, mas também por mérito do adversário. Queria aproveitar para dar os parabéns ao Sporting, tiveram um mérito incalculável. Marcaram cedo, depois ampliaram a vantagem e tornaram tudo mais difícil para nós. Ainda tentámos reagir, tentámos entrar no jogo, tentamos deixar uma boa imagem, mas não conseguimos jogar, nem com bola, nem sem bola, mas por mérito do Sporting.

– Vínhamos de um período com uma tensão terrível na luta pela manutenção. Não estou a procurar desculpas, os jogadores são profissionais, foram ele que conseguiram a manutenção. Mas também são pessoas normais e passámos um período muito exigente a jogar à quarta, ao domingo, com uma pressão terrível. No final, chegamos ao jogo de hoje e correu assim. Mas não há que retirar valor a esta equipa. Temos de valorizar o que fizemos até aqui. O resultado de hoje não vai tapar o principal objetivo na parte final da época. Temos de preparar a próxima época, descansar e refletir.  

[Vai continuar no Marítimo?]

– Sim, tenho contrato com o Marítimo. Estou muito feliz na ilha, feliz com os adeptos que desde o primeiro dia me mostraram um carinho incondicional. Estou feliz com os jogadores, com os trabalhadores, todos cinco estrelas. Estou contente com o presidente, respeito máximo, sinto-me valorizado, respeitado e querido. Passámos uma situação muito difícil no último lugar da classificação. Tivemos um dérbi de vida ou morte com o Nacional.

– Treinar o Marítimo é um tremendo orgulho. Vamos com o objetivo de fazer uma boa época com a oportunidade de fazer tudo desde o início e preparar a nova época da melhor forma. Não podemos esquecer nunca o que custou esta luta dificílima, e tentar melhorar e crescer em todos os aspetos. A minha intenção, sem dúvida nenhuma, é continuar.

[Terceiro golo é a imagem da descompressão da equipa?]

Hoje não tivemos bem. Do início ao fim. Acho que o Sporting portou-se com uma equipa competitiva, marcou, quis marcar mais, é normal, eu faria o mesmo. Ninguém ganhou neste estádio, temos de dar mérito aos de verde e branco.

[ad_2]

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *