Início » Blog » Seleção leva só três centrais ao Euro: a justificação de Fernando Santos

Seleção leva só três centrais ao Euro: a justificação de Fernando Santos


Fernando Santos leva para o Euro 2020 apenas três defesas-centrais de raiz. Rúben Dias, Pepe e José Fonte, os últimos dois com 38 e 37 anos, respetivamente.

O selecionador nacional lembrou que não foi a primeira vez que optou por levar apenas três centrais de raiz para uma competição de seleções, mas recusou olhar para Danilo Pereira, que esta época atuou algumas vezes como defesa no PSG, como uma espécie de quarto central.

«Danilo é um médio da seleção. Danilo, Palhinha e William, se houver necessidade, poderão atuar nessa posição. Mas não vamos colocá-lo como central, não faria sentido nenhum! Desde o Euro 2016, em que já participou, sempre o vi como médio. Mas se já jogadores polivalentes que têm essa valência, sim! Esta foi uma opção, já aconteceu noutras ocasiões, noutras não. Já houve alturas em que levei quatro defesas. Na Liga das Nações só levei três. Já tinha acontecido. Foi uma opção», disse.

De fora das opções ficaram, por exemplo, Rúben Semedo e Domingos Duarte, centrais de raiz lançados por Fernando Santos na Seleção.



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *