Início » Blog » Petit: «Se temos 37 pontos, queremos chegar aos 40 e estar sempre a crescer»

Petit: «Se temos 37 pontos, queremos chegar aos 40 e estar sempre a crescer»


Petit, treinador do Belenenses, defende que a motivação «tem de estar sempre presente» numa equipa como o Belenenses que pretende continuar a escalar posições na Liga na visita a Tondela, em jogo da 32.ª jornada.

«A motivação tem de estar sempre presente. Se temos 37 pontos, queremos chegar aos 40 e estar sempre a crescer na tabela. O grupo está ambicioso. Temos sido uma equipa muito regular ao longo da época e a última imagem, às vezes, é a que fica. Queremos terminar bem o campeonato», assumiu o treinador em videoconferência de imprensa.

Se, na primeira volta, os «azuis» conquistaram 16 pontos e ocupavam o 13.º lugar, na segunda já somaram 21, apenas superados pelos quatro primeiros classificados, o que lhes permitiu alcançar a metade superior e ter a manutenção quase garantida, ficando a olhar para outros patamares, com um lugar europeu à distância de cinco pontos.

«Criávamos situações, mas não estávamos a fazer tantos golos como queríamos. Neste momento, estamos a fazê-los. Os processos estão consolidados, os jogadores estão mais assimilados e, nesta segunda volta, temos sido consistentes. Confiamos no trabalho diário e os pontos foram conquistados com todo o mérito», sublinhou.

Em análise ao Tondela, Petit entende ser uma equipa «que tem bons processos e gosta de ter bola», com «jogadores rápidos e um avançado [Mario González] a fazer uma boa época», mas a formação lisboeta aponta ao compromisso e exigência entre jogadores.

«Todos os jogadores dentro do plantel sabem que podem jogar. Trabalham diariamente e, a qualquer altura, podem ser chamados e dar uma boa resposta. Há compromisso e exigência entre eles para lutarem pelos três pontos, em prol da equipa», realçou o técnico, que tem o plantel apto, à exceção do defesa Eduardo Kau.

A criação das equipas B e sub-23, desde a época transata, permitiu ao Belenenses ser a equipa que, na ótica de Petit, «mais aposta na formação», lamentando não ser, «por vezes, valorizada pela comunicação social» pelo trabalho efetuado nesse sentido.

«Esta época, chegámos a alinhar com nove jogadores portugueses. Isso dá satisfação, temos de valorizar o nosso produto. Os jogadores mais experientes dão algumas dicas e informações do que é jogar na Liga, recebem muito bem dentro do balneário e cabe a nós tentar tirar o melhor rendimento e dar aprendizagem», expressou.

O brasileiro Henrique confirmou no domingo o interesse do Coritiba, clube no qual iniciou a carreira, e a saída do Belenenses está iminente, com Petit a desejar «as maiores felicidades» ao experiente central, «importante para a equipa técnica e clube».



Fonte

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *