Categories
Notícias

Lukaku: «Em 2018 passei por problemas mentais»

[ad_1]

Romelu Lukaku, avançado do Inter e um dos destaques da Bélgica no Euro 2020 com três golos marcados em três jogos, respondeu a perguntas colocadas pelos fãs nas redes sociais.

O jogador de 28 anos abriu o livro e admitiu que sofreu uma depressão em 2018, quando jogava pelo Manchester United de José Mourinho, sem adiantar muito por agora. «Em 2018 passei por alguns problemas mentais, é verdade. Talvez um dia falarei deles», disse Lukaku.

O avançado recordou a época menos positiva pelos «red devils», durante a qual recebeu várias críticas, e admite que se preocupa mais com a sua evolução. «Para ser sincero, não me importam. O meu trabalho é o que demonstra a minha mentalidade. Preocupo-me sempre em melhorar e ganhar. Ponho de parte os prémios individuais e jogo para ganhar títulos», afirmou o avançado belga.

Lukaku ainda falou da ajuda de Thierry Henry, lenda do Arsenal que agora é adjunto da seleção belga, confessando que «toda a seleção aproveita muito os seus conselhos». Nas respostas ainda houve espaço para destacar dois compatriotas. «O melhor médio do mundo? De Bruyne, sem dúvida alguma. Gostaria de o levar um dia para o Anderlecht. O defesa mais difícil que já enfrentei foi Vincent Kompany, conhece-me bem», disse Lukaku.

A Bélgica terminou o grupo B em primeiro lugar, com três vitórias nos três jogos. Nos oitavos de final será adversária de Portugal, em jogo marcado para domingo, às 20h, com transmissão na TVI.

[ad_2]

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *