Categories
Notícias

Jota marca de calcanhar na reviravolta do Liverpool em Old Trafford

[ad_1]

Firmino, Firmino e Jota! Por fim, Salah.

O Liverpool venceu o Manchester United com reviravolta, em Old Trafford num clássico eletrizante (4-2) e não desarma na luta pela Champions. Apesar do triunfo ter sorrido aos «reds», foram os red devils que entraram melhor na partida e marcaram logo aos dez minutos. O capitão Bruno Fernandes recebeu na área, rematou de trivela e viu Phillips desviar a bola para a próprio baliza.

Foi, no fundo, um início de sonho para o conjunto de Solskjaer. No entanto, havia um português disposto a liderar a reviravolta do Liverpool: Diogo Jota. O internacional português ameaçou por duas vezes, mas Henderson fez duas excelentes defesas e impediu o golo. Porém, o guarda-redes inglês nada pôde fazer perante a arte do extremo luso que desviou de calcanhar um remate de Phillips.
 

Depois de ter empatado a nove minutos do intervalo, a formação de Merseyside conseguiu a reviravolta por Roberto Firmino. Alexander-Arnold fez um cruzamento teleguiado e o brasileiro antecipou-se ao marcador direto e cabeceou para o 2-1. 
 

 

No arranque da segunda parte, os «reds» voltaram a ser letais e aproveitaram uma perda de bola para chegar ao 1-3. Luke Shaw tentou progredir pelo corredor central, perdeu a bola e Firmino bisou após uma primeira tentativa de Alexander-Arnold. 
 

O Liverpool viveu até ao golo de Rashford, aos 68 minutos, o seu melhor período no encontro e poderia ter chegado à goleada, mas Jota acertou no poste e Henderson travou o disparo de Trent na área. 

Solskjaer decidiu agitar o jogo a partir do banco e lançou Greenwood. Já depois de Rashford ter reduzido a passe de Cavani, o prodígio inglês viu Phillips negar-lhe o golo em cima da linha de baliza. Foi já com o United desesperado à procura do empate, de forma a evitar a segunda derrota caseira seguida, que Salah fez o 2-4 final em contra-ataque (30.º golo do egípcio esta temporada).
 

 

 

No outro jogo disputado esta quinta-feira, André Gomes entrou aos 67 minutos no empate sem golos do Everton em casa do Aston Villa. Assim, os toffees igualaram à condição o Tottenham no sétimo lugar, a primeira equipa em zona de apuramento para as competições europeias.

 

[ad_2]

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *