Categories
Notícias

Gil Dias: o benfiquista que adorava Liedson e que foi dispensado pelo Sporting

[ad_1]

Gil Dias foi confirmado esta sexta-feira como reforço do Benfica até 2026, colocando um ponto final na longa ligação ao AS Monaco. Aos 24 anos, o esquerdino prepara-se para representar o clube do seu coração, como admitiu em 2014, durante uma longa conversa com o Maisfutebol.

Nascido na Gafanha da Nazaré, Gil Dias começou a jogar no GD Gafanha com 8 anos e chamou rapidamente a atenção do Sporting. «Foi uma grande alegria, tinha 10/11 anos e estava a jogar pelo Sporting, embora ficasse a treinar durante a semana no Gafanha», explicou o jogador, na altura.

«Eu era chamado de Levezinho, como o Liedson, e quando fui para o Sporting deram-me a escolher uma camisola de um jogador da equipa principal. Escolhi a dele, de quem jogava muito, embora eu seja benfiquista. Por causa do Liedson fiquei com o número 31 desde pequeno e é com esse que tenho treinado no Mónaco», salientou Gil Dias, à época com 17 anos e a cumprir a primeira temporada no AS Monaco.

Em 2014, Gil Dias recebeu Maisfutebol em Taboeira, bem próximo no Estádio Municipal de Aveiro, durante um acolhedor jantar de família.

Para trás já tinham ficado o Sporting, onde jogou apenas uma época, – «Fartei-me de chorar quando não ficaram comigo, mas felizmente recuperei a felicidade na Sanjoanense» – a AD Sanjoanense e o Sp. Braga, onde se sagrou campeão nacional de juniores.

Seguiu-se uma longa ligação contratual ao AS Monaco, clube a que chegou como um jovem desconhecido. «Quem é este miúdo», perguntavam os outros jogadores.

Entre alguns jogos pela formação monegasca, Gil Dias cresceu em períodos de empréstimo a Varzim, Rio Ave, Fiorentina, Nottingham Forest, Olympiakos, Granada e Famalicão.

Aos 24 anos, depois de uma grande temporada no clube de Vila Nova de Famalicão, Gil Dias passa a estar à disposição de Jorge Jesus no Benfica. 

 

[ad_2]

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *