Categories
Notícias

Copa América fica sem sede a duas semanas do início da prova

[ad_1]

A Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) anunciou no domingo que decidiu suspender a organização da Copa América na Argentina, devido à pandemia da covid-19 no país, e está à procura de uma nova sede.

A duas semanas do início da 47.ª edição da Copa América, a CONMEBOL disse «que, dadas as atuais circunstâncias, foi decidido suspender a organização da Copa América na Argentina», de acordo com uma mensagem divulgada no Twitter.

A CONMEBOL acrescentou estar a analisar «as propostas de outros países que manifestaram interesse em receber o torneio continental», previsto entre 13 de junho e 10 de julho, e que um novo anfitrião será anunciado «em breve».

No domingo, a ministra da Saúde argentina, Carla Vizzotti, tinha já admitido que a realização da Copa América no país não estava «100% definida».

Na quarta-feira, o Governo argentino apresentou à CONMEBOL «os rígidos» protocolos de saúde para a realização da Copa América no país, que desde abril tem observado um aumento no número de casos de covid-19.

Inicialmente, a maior competição entre seleções sul-americanas devia ser coorganizada pela Argentina e pela Colômbia, mas este último deixou de ser sede, depois de ter pedido um adiamento, devido à crise e tensão social existente no país, o que a CONMEBOL recusou.

Na semana passada, o Presidente argentino, Alberto Fernández, tinha afirmado que o país estava pronto para receber o torneio, na sequência da decisão de retirar a Colômbia da organização.

A Argentina registou, no domingo, 348 mortes e 21.346 casos de covid-19. Desde o início da pandemia, o país contabilizou 77.456 óbitos e 3.753.609 infeções.



[ad_2]

Fonte

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *